Notícias

Mudanças no Facebook, e agora?

Por março 21, 2018 Sem Comentários

No dia 11 de Janeiro deste ano, Mark Zuckerberg ou Marquinho para os íntimos, através de seu perfil pessoal no Facebook fez um anúncio que deixou muitas pessoas preocupadas.

Resumidamente ele disse que um dos focos dele para 2018, seria fazer com que o Facebook seja uma plataforma que ajude as pessoas continuarem conectadas, e por isso colocaria em primeiro lugar em seu feed as postagens de seus familiares e amigos. E que recentemente a equipe do Facebook percebeu que as pessoas estavam vendo muito mais conteúdo de negócios, marcas e páginas de notícias do que das pessoas que elas queriam ver. E que por isso o Facebook iria priorizar esse conteúdo ao invés do conteúdo de Fan Pages, para que o tempo que você passa no Facebook se torne um tempo de qualidade da sua vida.

Mas… bem na realidade o que isso significa, porque isso realmente foi feito? E como isso já impactou muitas empresas e quais são os detalhes que você deve se atentar para não deixar que isso prejudique o seu negócio.

Bem, a verdade é que essa mudança foi feita como uma maneira de evitar o êxodo dos usuários do Facebook  que já vem acontecendo por alguns anos.

Resultado de imagem para facebook lose user

Fonte: Arial….brinks 😛 (https://www.recode.net/2018/2/12/16998750/facebooks-teen-users-decline-instagram-snap-emarketer)

É inegável que o Facebook reina absoluto, e ele praticamente criou uma Cisão na internet como já conhecíamos antes de sua existência, mas o portal não vem conseguindo manter e fidelizar usuários mais jovens que tem tendido a migrar para o Instagran (que também é do Facebook), para o SnapChat (Que o Facebook tentou comprar e como não conseguiu colocou as funções Snap em Tudo, WhatsApp, Instagram e Facebook) e outras redes sociais.

Mas aí você se pergunta, esses jovens não são meus clientes eu não tenho que me preocupar com isso, e é aí que você se engana, eu venho trabalhando com Facebook já há 5 anos, de lá pra cá, uma geração inteira que talvez nunca tenha usado o Facebook ou não o tenha como sua rede social principal, se tornou um público consumidor, por isso é muito importante que o Facebook esteja realmente atento a essas importantes mudanças em nossa sociedade.

Alguns anos atrás eu estive em uma palestra da Citroen, onde o diretor de Marketing da empresa falava sobre a dificuldade de se preparar para vender para os Millennials e agora para a Geração Z.

Você pode não ter se dado conta, mas uma pessoa nascida em 1998 já está pronta para entrar na faculdade ou no mercado de trabalho.

De acordo com um relatório recente do banco Goldman Sachs, entender esta turma é importante – e não é só porque eles já controlam o equivalente a US$ 44 bilhões em poder de compra nos EUA.

Eles também influenciam nas decisões da casa, de acordo com 93% dos seus pais, e 60% acreditam que ter muito dinheiro é sinal de sucesso, contra 44% dos millenials que compartilham da mesma opinião.

A cada geração que passa as prioridades das pessoas se tornam diferentes, aqui é importante um exercício simples que eu ensinei em outro texto, se colocar no lugar das pessoas, pois você pode ver essas nuances da economia dentro da sua própria casa.

Veja meu caso por exemplo, para os meus pais era imprescindível ter uma casa própria e um carro próprio, pois isso significaria estabilidade, para mim que já estou no final dos 20 e chegando aos 30, já não é tão importante ter uma casa própria, não quero ficar preso sempre a um mesmo lugar, mas ainda acho importante ter um carro próprio, meus primos que são um pouco mais jovens que eu ou que estão entrando no período adulto de sua vida agora, para eles nem mesmo ter um carro é tão importante, o mais importante é viver viagens inesquecíveis, talvez ter um bicicleta pois irá ajudar o meio ambiente, e se precisar se locomover de carro, porque não usar um Uber?

Imagem relacionada

Veja bem, em um curto espaço de tempo existem 3 gerações com padrões de consumo e prioridades bem distintos, por isso é extremamente importante adaptar seu plano de negócio para que não deixe de atender a nenhuma faixa de público, e eu acredito que seja exatamente isso que esteja acontecendo.

Vou ser bem sincero, se você não tem um site de notícias que dependa grande parte e/ou exclusivamente de resultado orgânico, essas mudanças no Facebook talvez te afetem muito pouco.

O alcance orgânico das Fan Pages e Perfis do Instagram, já era algo extremamente baixo, em média na faixa de 1% a 2%, claro que existem exceções , aqui na agência mesmo temos alguns clientes que tem um ótimo resultado orgânico, mas em todo caso, se você tiver um investimento frequente em anúncios patrocinados e tiver dedicado um bom tempo na definição do seu público, conteúdo e oferta, dificilmente você sofrerá muito com essas alterações, no máximo talvez tenha que aumentar um pouco seu investimento em mídia para ter um alcance um pouco maior, para suprir a perda de alcance orgânico, mas vamos combinar que se você estiver fazendo um bom trabalho o ROI do seu investimento em mídia nas redes sociais, vai justificar você fazer esse aumento, sem te prejudicar.

Espero que possa ter te ajudado, até a próxima… 🙂

 

Deixa uma Resposta

Ligue Agora:
(17) 3308-3256
Whatsapp:
(17) 98106-8556
E-mail:
contato@inexxus.com.br

Rua Pedro Amaral, 3488 – São José do Rio Preto – SP